Os pombos são geralmente a causa da propagação de várias doenças. As principais doenças transmitidas por pombos incluem Salmonelose, Taxonomyose, Criptococose, Candidíase, Pseudomonas aeruginosa e outras.

Acontece que mesmo sendo transmissores de tantas doenças, os pombos são animais protegidos pelo Ibama, o que torna crime o extermínio imediato deles. Sendo assim as empresas dedetizadoras precisam de fazer o manejo e controle de pombos correto e ambiental dessas pragas.

Nesse artigo vamos falar tudo sobre esse processo, como ele é feito e o que levar em conta na hora de contratar uma empresa especializada. Confira!

Como é feito o controle correto de pombos?

O controle de pombos é um serviço que contempla as diretrizes da gestão ambiental. Tem como objetivo eliminar o fator de atração das aves e adotar estratégias para manter as aves longe dos locais infectados.

Alguns deles são barreiras físicas, equipamentos de som e a colocação de repelentes de mosquitos.

Se houver mais pragas relacionadas aos pombos, como piolhos, carrapatos e outros, devem ser usados ​​tratamentos químicos para espécies específicas.

Quais produtos são usados para o manejo de pombos?

Existem alguns produtos e métodos que são capazes de acabar com os pombos, alguns deles são:

Gel

Use géis extremamente viscosos em toda a área onde os pombos não podem pousar (por exemplo, em paredes, tetos, azulejos). Sua função é manter o pombo preso ao pousar no local da aplicação.

Inclinação

Os pombos gostam de pousar na vertical para evitar escorregar. Superfícies inclinadas acabarão por assustar os pontos.

Repelentes

Os pombos que usam repelente de insetos podem causar uma sensação de queimação nos pombos, afastando-os gradualmente das áreas habituais de pouso.

Este método deve ser utilizado por 3 meses para permitir que as aves recebam um período de aprendizado para não retornar ao local. Essa medida tem sido muito eficaz porque assusta o pássaro sem machucá-lo.

Os moradores precisam ficar fora durante o controle de pombos?

Não tem necessidade que os moradores ou frequentadores após ser comunicado do local se afastem durante a dedetização local para afastar os pombos. Após limpar e desinfetar o ambiente infectado, pode-se voltar ao local tranquilamente.

Porém é recomendado o uso de métodos convencionais de pulverização para pontos de infecção críticos para desinfecção.

Preste atenção a locais com água, abrigo, acesso a alimentos que proporcionem condições de nidificação para evitar reinfecção.

Sendo assim, você pode chamar uma empresa de dedetização sempre que precisar, mesmo que seja aos fins de semana ou feriados. Pois não vai atrapalhar a rotina da sua casa.

Como evitar pombos em casa?

Separamos algumas dicas que são muito simples, mas que vão te ajudar a evitar pombos na sua casa. Confira!

     Não coloque restos de comida em locais abertos, como quintais;

     Mantenha a lata de lixo sempre fechada;

     Não alimente os pombos;

     Mantenha a ração dentro de casa o tempo todo para evitar que os pássaros comam;

     Use acessórios como fio de náilon para tornar difícil para as aves manterem o equilíbrio em áreas onde são fáceis de empoleirar. Isso evita que os pombos toquem na superfície.

     Produtos com odores fortes (como naftaleno e cresol) também podem ajudar a espantar pombos; além disso, repelente de mosquitos também é uma opção;

     Coloque uma espécie de rede de proteção nas portas e janelas. Também é essencial proteger o espaço entre o telhado e a sarjeta onde os pombos costumam fazer ninhos.

Conclusão

Evitar a infestação de pombos é algo importante não apenas pelos animais na sua casa, mas pelas doenças que ele traz. Assim, quando você ver sinais de pombos em sua casa, comércio ou indústria, chame o quanto antes uma empresa especializada.

Post by: https://gr3web.com.br

Cursar design de interiores é uma excelente opção para iniciar sua carreira de designer.

Em resumo, essa área do conhecimento se parece bastante com arquitetura e urbanismo, porém, há grandes diferenças entre elas. A primeira envolve um conhecimento multidisciplinar, enquanto a segunda possui disciplinas próprias.

Para trabalhar como designer — de qualquer natureza, diga-se de passagem —, é importante possuir uma dose elevada de criatividade. Da mesma forma, entender o que os clientes querem também é uma habilidade importante.

Outro ponto que deve ser levado em conta é o estudo contínuo. Assim como ocorre com a moda de vestuário, existem estilos de decoração, os quais apresentam periodicidade.

Ser um designer é muito mais do que apenas saber encaixar uma mesa de canto na decoração.

Quer saber se vale a pena cursar design de interiores? Veja se essa carreira é para você!

Design de interiores: com o que trabalha?

Quando pensamos em design de interiores, a primeira coisa que vem à mente é a estética da decoração. Todavia, embora isso também seja importante, existe outro elemento fundamental: a funcionalidade.

O trabalho do profissional, em suma, é harmonizar a estética com a funcionalidade dos elementos que compõem o local.

Além disso, os designers não trabalham apenas com residências, mas sim com qualquer tipo de projeto, seja ele comercial, corporativo ou cenográfico.

Se você estiver interessado nessa área, saiba que existem cursos de bacharelado, tecnólogo, técnico e até pós-graduação.

O que se aprende em uma faculdade de design de interiores?

A faculdade de design de interiores é o paraíso para quem gosta da área de design como um todo. Ela contém disciplinas relacionadas à história do design, assim como da arte e do mobiliário.

Além disso, o aluno aprende matérias interessantes, tais como produções artísticas e industriais, paisagismos e comunicação visual.

Há matérias mais técnicas, como teoria das cores, composição espacial, ergonomia, luminotecnia, perspectiva em desenho e desenho técnico.

Fora isso, o aluno também recebe instrução quanto a alguns aspectos gerenciais e profissionais, como gestão de projetos interiores, ética profissional, produção e mercado, projetos de interiores e assim por diante.

Ao fim da graduação, o profissional estará apto a trabalhar em qualquer tipo de projeto de decoração.

Qual o perfil ideal para esse profissional?

Todos aqueles que almejam se tornar ótimos profissionais de design devem cultivar as seguintes habilidades, caso ainda não as tenha:

  • criatividade;
  • atenção às necessidades dos clientes;
  • percepção espacial;
  • e gostar de estudar.

Vamos explicar o motivo delas serem as principais skills dos designers de interiores.

Ter bastante criatividade

A criatividade é o elemento-chave que torna sua carreira de designer bem-sucedida.

Em resumo, ela está atrelada à sua capacidade de fazer algo comum, só que com sua personalidade. Dessa forma, seus projetos terão sua “marca”, e vão te ajudar a se destacar dos demais profissionais.

Uma ótima maneira de fazer isso, por exemplo, é realizar uma releitura dos estilos dominantes de decoração. Portanto, todos os elementos do estilo estarão lá, mas com sua forma de experienciá-lo.

Porém, é importante lembrar que essa liberdade artística nem sempre pode ser usada. Em alguns casos, o cliente quer apenas o básico, e um resultado inovador pode não satisfazer as expectativas dele.

Saber ouvir o cliente

No fim das contas, o trabalho do designer de interiores é entregar ao cliente exatamente aquilo que ele pediu. Assim, saber ouvir o cliente é uma habilidade fundamental para esse profissional.

Todavia, esse “ouvir” não está fadado apenas ao que o cliente pede: há muitos elementos dentro do design que não são “capturados” pelas palavras.

Dessa forma, ouvir o cliente significa entender exatamente o que ele quer, mesmo quando omite partes dessa informação.

Uma dica valiosa é usar modelos de decoração visando entender o que está na mente do cliente.

Boa percepção espacial

A percepção espacial é fundamental pois ajuda na hora do planejamento enquanto no local do trabalho. Dessa forma, uma boa percepção espacial permite elaborar um projeto sem mesmo usar lápis e papel.

Gostar de estudar designs

Por fim, ser um designer significa gostar de estudar estilos de decoração, assim como técnicas de iluminação e outros detalhes importantes.

Além disso, acompanhar as tendências de design de interiores também faz parte dessa habilidade.

Como é o mercado de trabalho?

Em resumo, o mercado de trabalho, assim como a quantidade de ofertas de serviço andam de mãos dadas com o mercado imobiliário nacional. Portanto, se há muita movimentação no mercado imobiliário, a demanda por esse profissional aumenta.

Além disso, ser especialista em design de interiores pode te proporcionar algo muito raro para os outros cursos: ser seu próprio chefe.

Você pode iniciar sua carreira em alguma empresa de design e, quando sentir que adquiriu bastante experiência, atuar de forma autônoma ou abrir seu próprio negócio de design.

Em geral, ser seu próprio patrão acarreta retornos financeiros maiores, dado que há menos dedução na “folha de pagamentos”.

Gostou das informações presentes neste post? Compartilhe nas redes sociais!

O ITBI é um imposto que deve ser incluído no planejamento financeiro para a compra de um imóvel.

Ao comprar uma casa em Campinas ou vendê-la muitos processos burocráticos e complexos tendem a ser enfrentados. Quanto mais claro o fato estiver para o cliente, melhor para o corretor. Assim, o processo de vendas se torna muito mais fácil e transparente.

O Impostos de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) é um imposto no qual quem compra um imóvel deve pagar. Ele também pode ser exigido para a oficialização de compra e venda. Neste caso, o tributo deve ser pago antes da negociação.

Por que pagar o ITBI?
Previsto no Inciso II do Artigo 156 da Constituição Federal, o imposto é cobrado pelo município em que o imóvel está sendo comprado. O Artigo ressalta que “compete aos Municípios instituir impostos sobre (…) transmissão “inter vivos”, a qualquer título, por ato oneroso, de bens imóveis, por natureza ou acessão física, e de direitos reais sobre imóveis, exceto os de garantia, bem como cessão de direitos a sua aquisição”.

Em outras palavras, os impostos arrecadados são destinados para beneficiar o cidadão. Este, em específico, serve para que o novo proprietário possa regularizar o imóvel, tendo acesso à luz, saneamento, coleta de lixo, etc.

Como o Imposto é pago?
De maneira geral, o processo começa reunindo vários documentos para que a guia de recolhimentos deste imposto possa ser emitida. Alguns dos documentos solicitados, são contratos, comprovantes de pagamentos e formulários específicos de cada município.

Podemos ver diversos casos que é necessário o auxílio do corretor para facilitar estas etapas. O profissional irá se responsabilizar de ir atrás de toda a documentação necessária ou encaminhar para pessoas encarregadas, colaborando para com quem está comprando um dos seus apartamentos à venda em Campinas.

Os documentos mais exigidos para que o processo seja feito, são:
• Guia Informativa Fiscal, bem como Recolhimento de ITVBI. A mesma deve ser encaminhada em três vias. O preenchimento e a assinatura devem ser feitos pelo comprador;
• Cópia atualizada da matrícula do presente imóvel;
• Guia modelo do ITBI. Este pode ser acessado online.

Vale lembrar que mesmo se o imóvel for na planta, você terá que pagar o ITBI. O cálculo levará em consideração o valor posterior, ou seja, do imóvel pronto. Portanto, o corretor deve ter cuidado ao fazer a venda para que valores menores do que os cobrados não sejam prometidos, simplesmente por conta de o imóvel ainda estar na planta.

Como calcular o ITBI?
A alíquota tende a variar conforme as cidades. Entretanto, o valor geralmente varia entre 2 e 4% sobre a base de cálculo da transação. A base de cálculo deste tributo consiste no valor venal do imóvel. A partir desta base o cálculo pode ser feito de maneira básica multiplicando o valor pelo percentual estabelecido.

Considere que:
• Técnicos do setor farão uma verificação dos dados que estão na guia. As informações devem coincidir com as que estão no sistema, além dos dados da vistoria do imóvel;
• O valor venal de referência pode ser verificado no site da Prefeitura do município. Você precisará apenas digitar o número de IPTU do imóvel;
• Não está incluso, neste cálculo, o valor da construção feita após a aquisição do imóvel, desde que seja comprovado.

Depois das avaliações feitas, se faz o cálculo do ITBI. Para fazer o cálculo, deve-se comparar o valor venal de referência e o original do imóvel, avaliando qual é o maior. O maior deve ser usado no cálculo.

Pode não se pagar o Imposto?
Comprou uma casa e discorda do valor cobrado? Você poderá contratar um avaliador. O mesmo deverá fornecer um laudo com informações consistentes e embasamento suficiente para anexar ao laudo técnico para que o tributo seja revisto.

No caso de sucessão por falecimento ou por doação, em vez do ITBI, o Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD) é cobrado. O mesmo é um tributo estadual e possui alíquota de 3 a 6% sobre a base de cálculo.

Enfim, é de suma importância que o comprador e o vendedor estejam cientes de todos os custos envolvidos na transação. Além disso, o corretor deve estar preparado para solucionar as dúvidas e ajudar em todo o processo. Cada imposto e taxa destacada é importante e obrigatória, devendo estar incluídas no planejamento financeiro das partes.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais e fique ligado em nossos próximos posts!

Os ratos em sua casa ou empresa podem representar um grande problema e, se o sistema de esgoto tiver sido danificado ou instalado incorretamente, pode fornecer aos ratos um ponto de entrada fácil em sua casa ou comércio.

Basta um pequeno buraco ou rachadura no sistema de esgoto para um rato passar. E como seu sistema de esgoto fornece abrigo e alimento para esses roedores incômodos, se o problema não for resolvido, eles podem infestar um prédio ou casa rapidamente.

O PROBLEMA COM OS RATOS EM SEUS ESGOTO

Os ratos são criaturas anti-higiênicas e frequentemente carregam doenças e parasitas que podem apresentar problemas de saúde para sua família ou funcionários.

Infestações de ratos também podem causar danos à estrutura de seu prédio, pois roem madeira e danificam o cabeamento elétrico, por isso é importante verificar se os ralos estão funcionando perfeitamente para ajudar a proteger sua casa ou empresa contra essas pragas que transmitem doenças.

Ah, e antes que esqueçamos. Sim, os ratos podem realmente estar no seu banheiro também!

SINA QUE VOCÊ PODE ESTAR LIDANDO COM UMA INFESTAÇÃO DE RATO

Embora nem sempre seja imediatamente claro que você tem um rato em sua casa, alguns dos sinais comuns a serem observados incluem:

  1. Excrementos de rato
  2. Papel mastigado ou cabos elétricos
  3. Buracos roídos nas paredes
  4. Ninhos

Depois de identificar o problema, você precisará investigar como os ratos estão obtendo acesso ao seu prédio.

Se não houver entradas, como buracos nas paredes, é mais provável que o ponto de entrada seja através do seu sistema de esgoto.

SOLUÇÕES PARA RATOS EM ESGOTO

Reparar esgoto danificados será o primeiro passo. Você também pode instalar um batente de rato que é uma estrutura semelhante a um portão que fornece uma barreira adicional para ajudar a evitar que os ratos tenham acesso aos seus ralos.

Aqui estão algumas dicas adicionais para ajudar a parar os ratos nos ralos:

  1. Coloque o lixo em lixeiras com a tampa fechada.
  2. Sele todos os buracos em sua propriedade.
  3. Instale uma válvula de retenção para impedir que os ratos passem pelos canos de esgoto.
  4. Verifique e sele quaisquer lacunas nas portas externas.
  5. Certifique-se de que nenhum alimento seja deixado fora dos recipientes.
  6. Verifique se não há entupimento nos ralo. Contate-nos Desentupidora

PROCURE A AJUDA DOS PROFISSIONAIS

Se você tiver uma infestação de ratos ativa, seu melhor ponto de parada seria ligar para uma empresa de controle de pragas profissional o mais rápido possível para eliminar o problema e prevenir futuras infestações.

Na Ajax somos especialistas em esgoto e controle de pragas. Entre em contato com nossa simpática equipe hoje para discutir seu problema e forneceremos a melhor solução para o seu problema. https://ajaxsolucoes.com.br/

Desenvolver o lado criativo das crianças é possível através das brincadeiras. Com os brinquedos, é possível ensinar aos filhos a busca por soluções inovadoras em situações que sua vida pode apresentar. 

Ao decorrer dos anos, o nível de criatividade das crianças pode apresentar uma decaída, ainda mais com as experiências adquiridas ao longo do crescimento. Mas uma das formas de evitar que isso se perca é desenvolver o lado criativo das crianças através dos brinquedos. 

Os pais são muito importantes na fase infantil dos filhos, isso porque são eles os responsáveis pelo desenvolvimento das crianças, através de estímulos, brincadeiras, entre outros. 

Como desenvolver o lado criativo das crianças?

As crianças necessitam de diferentes experiências para despertar o lado criativo, é muito comum que interesses diversos apareçam ao longo dessa fase, como interesse por playmobil

Caso ele queira tocar bateria, pintar quadros, dançar balé ou fazer tudo ao mesmo tempo, não há motivos para se preocupar com a perda de foco deles. Na verdade, é possível utilizar isso ao seu favor. 

Durante os primeiros anos de vida, quanto maior for o contato das crianças com brinquedos ou outras formas de diversão, melhor. E não precisa se preocupar com o material que ele é feito, os pais podem investir em brinquedos de madeira ou de plástico. 

Mas é importante levar em consideração que antes de inovar, é fundamental ter conhecimento e testar o que já existe. 

É muito comum que as pessoas acreditem que a experiência é algo ruim e a certeza é boa. Mas é ao contrário. 

Portanto, sendo possível, é essencial levar as crianças para um museu, parque ou ver filmes com elas. Os pais devem apresentar o mundo para os filhos, para que eles possam despertar o lado criativo dos pequenos. 

A troca de informações é essencial no desenvolvimento criativo, pois ela consiste na aquisição de novas habilidades e informações. 

Quais brincadeiras podem ajudar no desenvolvimento criativo das crianças?

As brincadeiras são essenciais para desenvolver o lado criativo das crianças. Quando elas são apresentadas aos filhos, os pais estão estimulando que soluções inovadoras sejam buscadas. 

Uma das maneiras de desenvolver o lado criativo das crianças é fazer um cantinho para os brinquedos ou momentos de brincadeiras deles. Algumas brincadeiras também são fundamentais nesse processo, como:

1. Rolo de papel e caixa de ovos

Essa brincadeira é recomendada para crianças de 0 a 2 anos de idade. Quando os pais permitem que as crianças explorem os materiais de maneira livre, eles passam a aprender como se relacionar com o mundo. As crianças veem valor em coisas simples, como rolos de papel higiênico e caixa de ovos.

2. Brinquedos sensoriais

Os pais devem ter em mente que todas as crianças gostam de explorar e, o corpo, é um dos principais recursos para que essa exploração seja realizada. 

Sendo assim, é essencial apresentar as brincadeiras sensoriais para desenvolver o lado criativo das crianças. 

3. Massinha e outros objetos

Os brinquedos para desenvolver o lado criativo das crianças de 2 a 4 anos de idade são, principalmente, a massinha. 

Mas nessa etapa, outros objetos também podem ser explorados pelas crianças. Isso porque, nessa idade, elas já têm conhecimento de diferentes objetos que servem para criar outros contextos.

4. Desenho e dança

Para as crianças de 5 a 8 anos de idade, os desenhos e a dança podem servir como incentivo a desenvolver o lado criativo das crianças. 

E, quando o desenho está associado à dança, essa brincadeira pode ganhar uma nova dimensão. 

6. Jogo da memória

Quando falamos sobre desenvolver o lado criativo das crianças, não podemos deixar de citar o jogo da memória. 

Uma das melhores maneiras para despertar ainda mais o interesse delas sobre ele é deixar que as crianças mesmo criem seu próprio jogo. Se tornando ainda melhor com a ajuda dos pais. 

7. Customizações

As crianças com mais de 8 anos de idade podem se divertir fazendo suas próprias customizações. 

Uma das melhores maneiras de despertar o lado criativo das crianças mais velhas é deixá-las desenvolver um caderno customizado ou criar seus próprios jogos. 

Também é essencial deixá-las explorar toda a residência. Isso serve como uma forma de explorar novos espaços. 

Quando as crianças estão em contato com um ambiente que estimula a criatividade, o desenvolvimento dessa habilidade é ainda maior. 

A liberdade é importante para a diversão das crianças?

Se o objetivo dos pais é desenvolver o lado criativo das crianças, é essencial que eles encontrem brincadeiras que tenham menos regras. 

Uma das atividades que podem ser feitas é criar um espaço em que os objetos não têm ligação óbvia, isso faz com que as crianças escolham o que fazer com eles. 

O rolo de papel higiênico e a caixa de ovos podem servir nesse momento. Se preferir, também pode colocar uma lata vazia e um carretel de barbante nesse cantinho. 

É possível dizer que a sala de estar é um dos locais mais aconchegantes da residência, não é mesmo? Então, para receber amigos e familiares ou mesmo para aproveitar os momentos na sua casa ou apartamento, é indispensável que esse ambiente possua os móveis certos e que estejam bem distribuídos.

Se você gostou do assunto e quer saber mais sobre como oferecer a sua residência um clima convidativo, continue com a leitura deste artigo. Nos tópicos a seguir, confira as dicas e informações pertinentes e deixe sua sala de estar mais bonita e confortável como você sempre quiser.

  • Como ter uma sala de estar bonita e confortável
  • Móveis que oferecem beleza e conforto

Como ter uma sala de estar bonita e confortável

Em geral, o que mais se pretende ao montar uma sala de estar é que ela conte com total conforto para acomodar todas as pessoas. Porém, sem deixar isso de lado, é possível ainda que ela seja bonita ou até mais, como charmosa e sofisticada.

Para tanto, é importante avaliar a melhor maneira que os móveis e demais peças devem ser distribuídos no espaço. Quem possui cômodos grandes, não precisa se preocupar muito, pois consegue facilmente incluir no local todos os sofás, poltronas, puffs, cadeiras e bancos necessários.

Mesmo assim, é preciso ter o cuidado de deixar o layout da sala de estar bem organizado, de modo que haja espaço suficiente entre as peças para transitar com tranquilidade. Já se o cômodo é pequeno, é recomendado dar prioridade aos móveis essenciais.

Com o mesmo cuidado de distribuir bem os móveis, o ambiente não fica apenas confortável como muito mais bonito. Nesse sentido, uma atenção especial é em relação às cores escolhidas para decorar. Espaços menores exigem cores neutras, lisas e claras, que ajudam a conferir maior amplitude.

Tapetes, cortinas e almofadas também são elementos que ajudam a proporcionar aconchego. Por isso, devem ser incluídos na decoração, seguindo a recomendação de terem cores que combinem com as predominantes no ambiente.

Móveis que oferecem beleza e conforto

Além de um sofá grande e mesas de centro, bem como mesas de canto e apoio, de acordo com o espaço disponível, as poltronas são grandes aliadas do conforto e da beleza da sala de estar. Em cômodos pequenos, por exemplo, elas podem até substituir o sofá, para dispor do número de assentos necessários.

E para escolher a poltrona ideal para sua residência, o Atelier Clássico conta com uma imensa variedade de modelos convidativos e muito charmosos. E o melhor, com o estilo que você precisa para decorar com bom gosto a sala de estar.

Dessa forma, é possível achar modelos modernos e charmosíssimos de poltronas. Destaque para as peças com pé palito, um ícone do mobiliário retro, e assento e encosto fofos de capitone, bem como design egg, extremamente confortáveis.

Há muitos outros modelos, todos de alto padrão, para combinar com a sua sala de estar, em tons neutros versáteis. Para quem prefere ousar, existem móveis únicos com visual diferenciado se o seu intuito é o de escolher uma poltrona para ser o centro das atenções, inclusive, com design assinado.

Mas se você quer oferecer um toque de sofisticação a sua sala de estar, no estilo clássico, uma dica é incluir na decoração uma comoda bombe. O Atelier Clássico possui belas peças marchetadas, com design arredondado, o que caracteriza esse elegante estilo.

Embora tradicionalmente as cômodas sejam usadas nos quartos, hoje, com a oferta de móveis exclusivos, elas também são bem recebidas em outros ambientes. Na sala de estar, a cômoda bombe pode substituir aparadores ou um armário com muito charme.

personalizar android

O Android é um sistema operacional conhecido, entre outras coisas, pela possibilidade de ter diversos detalhes customizados. As modificações possíveis vão muito além da troca do papel de parede. 

Os usuários mais experientes em personalizar Android também alteram o menu de aplicativos, a tela inicial (incluindo os widgets), as cores, as fontes e tudo mais.

Dependendo da empresa fabricante do celular, pode ser que o aparelho já venha com uma interface própria para o Android. Essa interface conta com ícones, aplicativos, temas e até imagens das marcas, como Samsung e Xiaomi, por exemplo.

Como personalizar Android

Veja agora algumas dicas para ficar por dentro de como personalizar Android.

Trocando o seu papel de parede

A primeira dica é uma das mais básicas de todas, mas mesmo assim muita gente nunca fez. Trocar o papel de parede pode ser mais importante para a experiência do usuário do que se imagina. 

Já pensou se ao desbloquear o celular de manhã cedo, logo depois de acordar, seu rosto for iluminado por uma tela super clara? Não parece muito agradável, não é mesmo?

Muitas vezes as opções de papel de parede que o sistema oferece não são agradáveis. Nesses casos sempre é possível buscar por imagens melhores na internet ou até mesmo na PlayStore.

Depois que você encontrar sua imagem ideal, basta seguir esses passos:

  • Na tela inicial, procure o menu;
  • Clique em “papel de parede”;
  • Escolha qual tipo de papel de parede quer usar (padrão, animado ou da sua galeria);
  • Clique na imagem que você quer;
  • Clique em “definir papel de parede”.

Pronto!

Instale um launcher

Você sabe o que é um launcher? Mesmo que os celulares com Android tenham o mesmo sistema operacional instalado, eles são diferentes. Como já falamos antes, cada marca, como Samsung e Xiaomi, personaliza seus próprios celulares. 

Nem sempre os usuários gostam da maneira como os celulares vem configurado pelas marcas. Para que o usuário consiga trocar essas configurações (fontes, cores, widgets, etc) é que existem os launchers.

Os launchers são aplicativos que possibilitam ao usuário personalizar Android. É um tipo de app que deixa o usuário mudar configurações práticas e visuais nos seus aparelhos.

Existem vários launchers diferentes, inclusive de empresas como a Microsoft e a própria Xiaomi. O mais popular entre os usuários é o Nova Launcher. Esses e muitos outros podem ser baixados na PlayStore.

Trocando seus ícones

Ainda no campo visual de como personalizar Android, é possível realizar a troca de ícones. Para fazer a troca dos ícones é preciso baixar um pacote de ícones. Se você quiser buscar em inglês para ter mais opções, o termo é “icon pack”.

Importante: para baixar um pacote de ícones é preciso ter um launcher instalado.

Depois de ter um launcher e baixar o pacote de ícones, basta aplicar. Vá até as configurações do launcher e procure uma opção para ativar o pacote de ícones que você baixou.

Usando temas

Outra forma de personalizar Android é escolher um tema. O tema altera o visual do seu telefone deixando ele, como o nome diz, com um tema novo. 

A própria Samsung, fabricante de celulares, tem um aplicativo disponível na Galaxy Store para os seus usuários baixarem vários temas.

Os temas possibilitam a mudança do papel de parede, da tela de bloqueio, da tela inicial, dos ícones e também permitem misturar opções de temas diferentes. Pode ser que fique bagunçado, mas você tem a liberdade para escolher!

Adicionando widgets

Widgets podem ser considerados ferramentas, atalhos, complementos ou até mini-aplicativos. Isso depende não apenas de quem explica, mas também do widget em questão. Eles servem para simplificar e facilitar a vida do usuário, podendo aparecer de formas variadas. Podem ser um botão, um ícone, um indicador (de horário ou de previsão de tempo), ou uma barra de pesquisa, por exemplo. Além de funcionalidades diferentes, eles também podem variar em forma e tamanho, tendo até tamanhos ajustáveis.

Alguns aplicativos já vem com seus próprios widgets, demonstrando na tela inicial algumas informações resumidas. Dessa forma o usuário não precisa abrir o aplicativo principal para ter acesso à essas informações.

Widgets mais elaborados podem, além da visualização, permitir a interação com o aplicativo. Um widget de um aplicativo de música, por exemplo, pode permitir que o usuário troque de música ou altere o volume do som sem a necessidade de abrir o app.

Tema escuro

O tema escuro é uma das modificações preferidas entre os usuários de Android. Essa opção ajusta de forma inteligente as cores e o brilho da tela. Assim, além de economizar bateria, os usuários têm uma experiência visual mais agradável.

 Uma das vantagens do tema escuro é a possibilidade de usar o aparelho durante a noite sem prejudicar tanto o sono. Isso fica ainda mais evidente nos dispositivos com tela amoled, pois os pixels podem ser “apagados”.

Entender porque as indústrias devem ter um socorrista é o primeiro passo para entender como essa função pode ser útil e positiva para todo o seu negócio ou mesmo para o seu perfil.

Pensando nisso, o foco desse post é mostrar exatamente quais as vantagens disso bem como a premissa mais básica para ter essa pessoa na sua equipe.

Vamos lá?

Porque as indústrias devem ter um socorrista – Entenda a teoria e prática

De início, você precisa ter em mente que ter um socorrista não é apenas uma questão de luxo, mas de cuidado e segurança.

Ao mesmo tempo, se trata de uma lei, que prevê que todas as empresas precisam ter uma pessoa capacitada para prestar esse tipo de socorro.

De acordo com a Norma Regulamentadora Nº 7.

Basicamente, a lei diz que todas as instituições e empresas precisam ter algum profissional no Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional.

Em outras palavras, alguém daquele ambiente precisa ser capaz de garantir, através do máximo de seus esforços, a promoção e preservação da vida de outra pessoa quando necessário.

Então, você pode perguntar porque exatamente um socorrista se faz necessário, principalmente em empresas que apresentam um baixo risco de acidentes.

Acontece que, mesmo em empresas de baixo risco, é possível que algum tipo de acidente acabe acontecendo.

Como resultado, para garantir a vida, alguém ali precisa estar preparado para atuar de maneira eficiente, prática e rápida.

Portanto, como os brasileiros não costumam ter esse tipo de conhecimento ensinado nas escolas, é preciso contratar ou preparar algum funcionário para tal ação.

O conhecimento de primeiros socorros, mesmo que seja básico, permite que aquele indivíduo acidentado resiste ao máximo de tempo, até que uma equipe preparada chegue ao local.

Por exemplo, se ele cair e sofrer uma fratura exposta, o socorrista saberá como lidar com a situação até que uma ambulância chegue ao local.

Logo, é essencial.

Acredite, acidentes acontecem

Ao fazer um curso de primeiros socorros, você começa a entender que os acidentes podem ser inevitáveis em alguns casos ou mesmo que acontecem quando menos se espera.

Assim, é um funcionário que acaba caindo de algum lugar, escorrega no chão molhado, se corta com algum equipamento ou mesmo aquele que tem uma crise de pânico porque ficou preso no elevador.

Mesmo quando alguns acidentes podem ser evitados, outros simplesmente ocorrem, seja algo muito grave ou não.

A questão é que isso não é algo que pode ser controlado apenas pela boa vontade de uma empresa, sendo então preciso ter alguém capacitado sempre presente.

O que você precisa para ser um socorrista?

Se você trabalha dentro de uma empresa que está procurando candidatos, é possível que a seleção seja feita através de atividades extras que já fez ou características pessoais.

Portanto, o comum é escolher aqueles funcionários mais calmos, que fizeram algum tipo de trabalho de campo semelhante ou que apresente uma postura mais estável.

Entretanto, essa escolha também pode depender do tipo de local no qual você trabalha, já que isso impacta no tipo de acidente que pode acontecer.

Por exemplo, para ser socorrista em uma siderúrgica, você vai precisar de mais “sangue frio” do que para atuar em um escritório, devido aos principais riscos possíveis.

Além disso, você vai precisar fazer um curso de primeiros socorros de qualidade e ter em mãos um kit básico para prestar atendimento.

Esse kit também varia de acordo com o tipo de empresa.

Geralmente, em locais de obras de construção, os kits são mais completos, enquanto que em um escritório são mais simples.

Sendo assim, no kit de uma siderúrgica você vai encontrar tudo para fazer curativos, coletes cervicais, talas de imobilização e mantas térmicas.

Já em kits de escritório, é mais comum a presença de luvas, esparadrapos, tesouras e gases, que são os itens mais básicos.

Mesmo sem uma formação na área de saúde, qualquer colaborador de uma empresa pode vir a se tornar um socorrista, desde que esteja preparado e saiba o que precisa ser feito.

Vantagens das indústrias terem socorristas no quadro de funcionários

Por fim, vale a pena entender que a função de socorrista é um benefício para a empresa bem como para as pessoas que trabalham nela.

Com isso, as principais vantagens para a indústria incluem:

  •         Evitar a morte de uma vítima;
  •         Reduz a gravidade das lesões;
  •         Minimiza o sofrimento psicológico e físico;
  •         Garante mais segurança e estabilidade para a empresa;
  •         Redução de processos trabalhistas decorrentes de acidentes;
  •         Você estará atuando de acordo com a lei vigente;
  •         Todos da indústria se sentem mais protegidos, etc.

Ou seja, além de garantir a vida, ainda pode mexer no “bolso” da indústria, já que um acidente sem prestação de socorro pode ser sinal de processo judicial a caminho.

Para os colaboradores e demais presentes, ter uma equipe de socorrista significa mais segurança e estabilidade, sabendo que o socorro sempre está por perto.

Sabendo que as indústrias devem ter um socorrista, é preciso dizer que os atendimentos diante de qualquer emergência funcionam de maneira parecida:

  •         Chame o socorrista até o local do acidente o mais rápido possível;
  •         Informe tudo o que souber sobre a situação assim que o socorrista chegar ao local;
  •         Busque controlar as demais pessoas presentes para dar espaço para o profissional trabalhar;
  •         Chame uma equipe médica profissional e informe sobre a gravidade, sempre que necessário;
  •         Se houver mais de uma pessoa acidentada, direcione outros profissionais socorristas ou colaboradores que possam ajudar de maneira efetiva.

Importante

Muitas vezes, diante de uma situação de acidente, as pessoas ficam curiosas, preocupadas e até histéricas, o que torna a vida do socorrista bastante complicada.

Nesses casos, é interessante convocar outros colaboradores para tentar acalmar e afastar do local do acidente aqueles que estejam atrapalhando a situação do profissional e que não precisam de auxílio médico.

Logo, é possível controlar a situação mais calmamente e garantir uma recuperação e chegada de outros profissionais. 

Por fim, você tem alguma dúvida ou gostaria de saber mais sobre o tema?

Comenta aqui embaixo para que eu possa ajudar você, deixe a sua dica de conteúdo que gostaria de ver aqui na página ou compartilhe a sua experiência.

Grande abraço e até o próximo post!

 

 

AHMD Global anunciou o Nokia 8 V 5G UW, um novo smartphone Android de gama média superior que estará disponível na Verizon. O hardware é semelhante ao Nokia 8.3 5G , exceto por algumas diferenças importantes, como a adição de antenas mmWave para a rede Ultra Wideband 5G da Verizon.

Nokia 8 V 5G UW: Especificações

Especificação Nokia 8 V 5G UW
Construir
  • Núcleo e estrutura de alumínio
  • Frente: Gorilla Glass 5
  • Verso: Gorilla Glass 3 moldado a vácuo em formato 3D
Dimensões e peso
  • 171,90 x 78,56 x 8,99 mm
  • 220g
Exibição
  • LCD de 6,81 polegadas
  • Resolução de 2400 x 1080
  • Proporção de 20: 9
  • Taxa de atualização de 120 Hz
SoC
  • Plataforma móvel Qualcomm Snapdragon 765G
    • CPU Octa-Core (1 x 2,4 GHz + 1 x 2,2 GHz + 6 x 1,8 GHz Kryo 475)
    • Adreno 620 GPU
    • Processo de fabricação de EUV 7nm
RAM e armazenamento
  • 6 GB LPDDR4X RAM + 64 GB de armazenamento
  • 8 GB LPDDR4X RAM + 128 GB de armazenamento
  • Armazenamento expansível com MicroSD
Bateria e carregamento
  • Bateria de 4500mAh
  • Carregamento rápido de 18 W via porta USB tipo C
Câmera (s) traseira (s)
  • Principal: câmera traseira de 64 MP com flash LED duplo, Ótica ZEISS,
  • Secundário: lente ultra grande angular de 12 MP,
  • Terciário: macro 2 MP
  • Quarternary: sensor de profundidade de 2 MP
Câmera (s) frontal (s) Câmera frontal de 24 MP
Áudio
  • Conector de fone de ouvido de 3,5 mm
  • Receptor de rádio FM
  • Áudio OZO
Conectividade
  • 5G SA / NSA / Dual 4G VoLTE,
  • WiFi 802.11 ac (2,4 GHz + 5 GHz),
  • Bluetooth 5,
  • GPS / GLONASS / Beidou,
  • SIM simples / duplo
Programas Android 10
Segurança Sensor de impressão digital lateral

A HMD Global disse que colocou “estrategicamente” três antenas mmWave ao redor do chassi do Nokia 8 V 5G UW, uma a mais do que você normalmente encontraria. A ideia é fornecer às pessoas uma experiência mmWave aprimorada, que é notoriamente exigente em oferecer uma conexão confiável e consistente. Apesar da inclusão de três antenas mmWave, o dispositivo ainda tem apenas 8,9 mm de profundidade.

O Nokia 8 V 5G UW possui uma tela Full HD + LCD de 6,81 polegadas com uma taxa de atualização de 120 Hz ao lado do processador de tela i3 da Pixelworks . Por baixo do capô, o smartphone é alimentado pelo processador Snapdragon 765G da Qualcomm e vem equipado com 6GB / 8GB de RAM e 64GB / 128GB de armazenamento. Ambas as opções oferecem armazenamento expansível via microSD.

Um sensor de impressão digital montado na lateral está incluído para biometria e há uma configuração de câmera quádrupla composta por uma câmera traseira principal de 64 MP unida por uma câmera grande angular de 12 MP, uma câmera macro de 2 MP e um sensor de profundidade de 2 MP. Está tudo contido em uma construção composta de um núcleo e moldura de alumínio, a parte traseira do qual é protegida por uma camada de Gorilla Glass 3 moldada a vácuo em uma forma 3D. Há também uma camada de Gorilla Glass 5 para a tela.

O dispositivo também oferece uma bateria de 4500mAh com suporte para carregamento com fio de 18W, roda Android 10 pronto para uso e tem um conector de fone de ouvido de 3,5 mm, então você não precisa se preocupar em comprar fones de ouvido sem fio ainda. Para quem gosta de conveniência, há um botão programável do Google Assistente , tornando muito fácil começar a latir pedidos.

Leia Mais: Whatsapp Modificado vale a pena?

Notavelmente, o Nokia 8 V 5G UW não faz parte do programa Android One , ao contrário de muitos outros smartphones da marca Nokia da HMD Global. Nenhum dos dispositivos com a marca da operadora da HMD Global faz parte do programa Android One, embora a HMD Global tenha se comprometido a fornecer dois anos de atualizações de sistema operacional e 18 meses de atualizações de segurança. Compare isso com o Google Pixel 5, que oferece três anos de software e atualizações de segurança.

Preço e disponibilidade

O Nokia 8 V 5G UW pode ser comprado no site da Verizon, em uma loja da Verizon ou na Best Buy a partir de 12 de novembro. Ele estará disponível em Meteor Grey por $ 699. A Verizon lançou recentemente sua rede nacional 5G , então o novo aparelho Nokia chega em um momento fortuito.

O Aparelho se mostrou com um processamento muito bom em Jogos 3D além do tradicional Apps de Redes Socais Whatsapp etc..

A rotatividade nos supermercados costuma ser grande, um dos motivos para o turnover, é a rotina cansativa de quem trabalha em supermercados.

É importante ressaltar, que outros fatores colaboram para que o funcionário deixe o trabalho e vá em busca de oportunidades melhores.

Seja por uma proposta mais atrativa, ou mesmo por desgaste emocional, cansaço e desmotivação.

Acontece que, contratar onera um empregador, demitir também. O melhor é conseguir manter o quadro de funcionários alinhado.

A menos, que algo não esteja dando certo.

Neste material, vamos apontar os motivos e como melhorar a rotina cansativa de quem trabalha em supermercados

Vamos?

Rotina cansativa de quem trabalha em supermercados: saiba como contornar estas e as outras dificuldades para manter um funcionário

Alguns fatores fazem com que o colaborador peça demissão. Entre eles, é válido destacar:

  • Baixos salários
  • Políticas de trabalho desumanas
  • Falta de incentivos materiais e motivacionais

Entre outros.

A seguir, você verá os principais motivos que fazem um colaborador pedir demissão:

1- Oportunidade na concorrência

É fato que a taxa de desemprego é alta, mas ainda existem empresas que respiram aliviadas.

Com isso, não pense que outro empregador não está vendo o seu funcionário.

Por isso, é provável que um colaborador saia da empresa se ele encontrar em outra: melhores salários, gestão humanizada e alguns outros incentivos.

Fique atento a estes detalhes e veja como é possível tornar sua empresa mais atrativa ao colaborador.

2- Carga de trabalho exaustiva

Se empenhar e executar o trabalho com agilidade e qualidade é ótimo para o empregador.

Mas, submeter o colaborador à uma rotina de trabalho, excessivamente cansativa, vai desgastá-lo rapidamente.

As pessoas precisam trabalhar de acordo com a sua capacidade física e psicológica e devem ter suas pausas para recondicionar as energias.

Se a empresa estabelece metas impossíveis ou exige além, diante da estrutura que oferece, ela vai frustrar seu funcionário.

E na primeira oportunidade, ele vai buscar algo melhor.

Entrevimos ex funcionários de supermercados, segundo eles, a rotina é muito árdua. Segundo o estoquista David de Albuquerque, funcionário de uma rede de supermercados na cidade de Sorocaba, não é fácil, é para quem realmente precisa.

Ainda segundo David, ele ainda faz freelance de marketing digital para complementar a renda, o que se torna mais exaustivo.

3-Falta de incentivo

É preciso incentivar o seu colaborador a trabalhar e depois recompensá-los com o ‘prêmio do reconhecimento’.

Muitas organizações premiam a chefia, quando o processo envolveu uma grande equipe.

Assim, o seu colaborador nunca verá possibilidade de crescimento e nem valorização de seu papel, frente ao trabalho.

4-Cultura de não valorizar ‘cabeças pensantes’

Em várias empresas, existem funcionários com uma capacidade intelectual mais aguçada do que a de seus chefes.

Geralmente, eles têm soluções para problemas, que podem render otimização do tempo e do lucro.

Mas, muitos gestores não dão esta autonomia ou liberdade para funcionários ‘pagos para executar’.

Isso desmotiva e o faz acreditar que está desperdiçado naquela empresa.

Desta forma, ele vai buscar valorização em outros lugares.

5- Contratar pessoas com perfil inadequado

A rotina cansativa de quem trabalha em supermercados não é segredo para ninguém.

Por mais que o gestor se esforce para criar políticas motivacionais e de benefícios, não é fácil enfrentar os desafios desta área.

É preciso ter pique, para que:

  • As estarem prateleiras cheias
  • o ambiente esteja limpo
  • os produtos estejam frescos
  • os cartazes afixados no lugar correto
  • suportar uma rotina intensa.
  • Ter tato na relação com clientes

Por isso, é preciso que o recrutamento e a seleção escolham a dedo, entre os candidatos para as vagas.

Selecionar o pessoal certo é fundamental; quem não tem o perfil, logo vai embora.

Conclusão

A rotina cansativa de quem trabalha em supermercados é de conhecimento de todos. Mas existem maneiras de suavizar os impactos.

Agregar benefícios não só financeiros, mas também, sociais é uma alternativa que favorece a permanência do profissional na empresa.

Outro fator importante e desafiador a quem está no papel de líder é a promoção de um ambiente propenso ao trabalho de forma leve.

Não é fácil implementar estas medidas em supermercados, mas é possível e elas podem reduzir drasticamente o turnover.

Um recadinho rápido para quem está desempregado: Fique ligado nas vagas de emprego do Tauste Sorocaba.